5 Princípios de entender (e apreciar) o minimalismo

5 Princípios de entender (e apreciar) o minimalismo

Durante a semana passada fiquei definindo alguns critérios sobre minimalismo muito particulares e gerando controvérsia interessante sobre eles, no entanto, hoje eu trago-lhe algumas ideias muito interessantes para entender e apreciar mais a ideologia minimalista para não deixar dúvidas sobre como funciona na prática.

Para entrar plenamente em questão, aqui eu compartilho os 5 princípios de entender (e apreciar) melhor o minimalismo:

1. As coisas são para serem usadas

No outro dia uma colega me mostrou uma coisa muito agradável antes de entrar em uma reunião e ela me disse: “Este aqui eu uso para dias especiais.”

E eu como sou muito detestável quando quero, disse: “Para mim, todos os dias são especiais”

Você trabalha todos os dias para ter algo que possa usar todos os dias, mas você vai usar isso apenas quando você considera especial?

Honestamente, com o passar do tempo eu tenho me livrado de muita coisa e cada vez tenho menos (exceto livros), na prática eu tenho apenas as coisas que gosto de usar, de fato, eu faço o que quero, buscando a melhor qualidade e quando percebo que existem coisas que estão de lado, busco passá-las adiante.

As coisas são para serem usadas, não acumuladas. Mantenha em mente e veja quantas coisas você não precisa.

2. Quando você tem pouco, você sabe onde você está

Com pouco, você não precisa passar horas olhando para uma maneira de organizar melhor o seu tempo e sua vida em geral.

Algumas semanas atrás, um primo me consultou sobre qual a melhor maneira de se organizar porque sempre perdia muito tempo procurando algo para vestir, e que levou mais de trinta minutos para encontrá-lo.

Quando eu perguntei se ele tinha alguma ideia de quantas coisas tinha, obviamente, não havia sequer um número aproximado, mas quando vi sua “bagunça” foi um pouco surpreendente. 

Na verdade, eu percebi que meia hora seria um tempo recorde para qualquer ser humano.

À medida que sua ideia era a melhorar nessa área, então ele fez uma limpeza profunda, depois de alguns dias, creio que agora ele leva apenas três minutos para achar o que vai usar, grande diminuição no tempo.

3. Remover Saturação é a melhor opção

Se você acha que o minimalismo é limitado apenas às coisas materiais, você está muito errado, a verdade é que uma das coisas que vale a pena reduzir é a saturação e sim, isso pode ocorrer em muitas áreas:

saturação visual ocorre quando há muitas coisas que estão ao alcance de sua vista, sem perceber que elas estão lá e distraem sua atenção.

Saturação social é aquela em que você concorda em cumprir muitos compromissos, alguns por hábitos, outros, porque você não consegue dizer não.

Atividades saturadas ocorrem quando você tem várias tarefas para fazer e você não sabe por onde começar.

4. Você não é o que você tem

Infelizmente, muitas pessoas acreditam que ter muitas coisas de valor as faz superiores aos outros.

Isso não me incomoda ou me afeta, mas acredito que o verdadeiro valor das pessoas está na maneira como vivem e aproveitam a vida.

Você é o que define suas ações, então você luta apenas para fazer os outros felizes para realmente encontrar o seu verdadeiro valor.

5. As coisas são apenas coisas

Digo isto para aqueles que acreditam que sua vida é apenas valorizar aquilo que conseguiram ao longo do tempo, quero dizer, aqueles que vivem pensando em como pagar aquilo que compram, que nunca se cansam de comer e consumir coisas que não fazem falta.

Não perca a noção de que a vida são os momentos que você gasta com as pessoas que você ama, a vida são as memórias que você toma todas as noites antes de dormir, a vida são as alegrias e tristezas que você gasta com as pessoas que realmente importam.

Obtenha o E-book: Potencial de uma vida Minimalista

Com sugestões práticas e encorajamento para personalizar seu próprio estilo minimalista, minimizar as posses é a melhor maneira de maximizar a vida.

Obrigado por se inscrever. Te enviamos um e-mail para baixar o e-book.

Algo deu errado.

Aproveite mais conteúdo

Bruno de Souza

Meu objetivo é te ajudar a viver mais com menos. Malabarista por diversão e violinista aprendiz.

Obtenha o E-book: Potencial de uma vida Minimalista

Com sugestões práticas e encorajamento para personalizar seu próprio estilo minimalista, minimizar as posses é a melhor maneira de maximizar a vida.

Obrigado por se inscrever. Te enviamos um e-mail para baixar o e-book.

Algo deu errado.