Por que o minimalismo deve ser uma meta para 2019?

Por que o minimalismo deve ser uma meta para 2019?

Aqui vão doze dicas para aplicar neste novo ano que se inicia!

  • Reduza a velocidade, não há necessidade de tanta pressa. 
  • Reuza suas dívidas, economize.
  • Crie seu armário cápsula, organize suas roupas.
  • Leve o minimalismo para a sua cozinha preparando refeições mais simples e nutritivas.
  • Viaje de forma mais simples, e com menos bagagem.
  • Se reconecte com a natureza, visite uma praia, um parque.
  • Simplifique sua vida em família, seja mais leve, releve pequenos aborrecimentos.
  • Se cuide, se exercite, medite, leia, aprenda um idioma ou um instrumento.
  • Use a tecnologia para lhe ajudar no ‘destralhe’.
  • Nutra suas relações interpessoais, diga eu te amo, deixe um bilhete amoroso, abrace mais.
  • Encontre ‘significado’ nos feriados, pratique o ócio criativo.
  • Pratique a gratidão, seja feliz com o que tem!

Adapte

Essas são dicas ‘genéricas’. Você, em sua individualidade, pode ajustá-las ou modificá-las para que se adaptem à sua realidade. Por exemplo, posso não fazer atividades físicas por um problema de saúde, porém, posso melhorar minha alimentação, que refletirá em minha qualidade de vida. 

Simplificar a sua vida trará um sentimento de contentamento e uma sensação de controle que poucas coisas podem trazer. Ter apenas o essencial, lhe trará a consciência de que a vida é mais do que o mero acúmulo de  ‘coisas’. 

O que vim fazer aqui?

Mas, se não viemos aqui para acumular coisas, o que viemos fazer nesta Terra? Ter experiências significativas!  Ter boas experiências é bem mais enriquecedor que o mero acúmulo material. Viajar, dançar, namorar, brincar, tocar, servir, ajudar, são vivências que nos trazem alegria. Ao passo que, comprar, acumular, juntar, entulhar, são verbos que mudam nosso estilo de vida. 

Consuma o necessário

Não estou dizendo que comprar é ruim. Passa a sê-lo quando o fazemos compulsivamente. Quando nos tornamos consumistas. Quando buscamos satisfação pessoal no ato de comprar ao invés de buscá-la nos locais apropriados: família, relacionamentos, serviço abnegado. 

Precisamos ‘consumir’ coisas todos os dias. Afinal de contas, comemos, bebemos, vestimos, nos locomovemos. Tudo isso implica consumo de recursos ou bens. O problema passa a existir quando pautamos nossas vidas em cima desse verbo: consumir. 

Temos outras alternativas mais satisfatórias: consumo consciente, simplicidade voluntária, minimalismo.

Mude

Você tem 12 meses pela frente, 365 dias para transformar o seu dia-a-dia. Porém, para que isso aconteça, é necessário comprometimento e foco. É necessária uma mudança de hábitos, uma descoberta do que faz você feliz, do que toca o seu coração.

Sem esse autoconhecimento é impossível realizar uma mudança significativa que lhe leve ao encontro de suas necessidades mais básicas e, à felicidade!

Por que o minimalismo deve ser uma meta para 2019?
5 (100%) 6

Aproveite mais conteúdo

Wagner Travassos

Escritor por hobby, apaixonado por violão, cozinheiro por distração e amante da filosofia positivista.

Ebook: Potencial de uma vida minimalista

Com sugestões práticas e encorajamento para personalizar seu próprio estilo minimalista, minimizar as posses é a melhor maneira de maximizar a vida.

Te enviaremos um e-mail de confirmação.