Uma batalha perdida

Uma batalha perdida

A teimosia na maior parte das vezes, perde a batalha.

Na minha família, temos um grupo no WhatsApp. E eu odeio os grupos do WhatsApp.

Mas isso é diferente porque minha família é diferente. Os 11 membros do grupo estão espalhados por 9 cidades diferentes em 3 estados diferentes e esse grupo nos mantém unidos.

O grupo não pode ser mais ativo: minhas tias estão encarregadas de dar bom dia e boa noite diariamente, e de enviar fotos estranhas de suas vidas no campo e na cidade.

E emojis, claro. Muitos emojis porque ainda não descobriram os adesivos.

Qualquer queixa que eu tenha sobre a suposta perda de humanidade causada por smartphones , internet e mensagens instantâneas é silenciada pelo link que tem sido para mim e minha família.

Eu passei por uma fase de rebelião na qual eu queria mudar o mundo, querendo que as pessoas não mexessem em seus telefones quando estivesse no bar, num passeio, no churrasco em família.

Para mim, foi uma batalha perdida

É mais fácil mudar com o exemplo do que com a imposição ou as palavras.

E digo com toda sinceridade, aceita que dói menos. Viva feliz com todos ao seu redor e cuide da própria vida. 😉

Gostou deste conteúdo?

Conheça o projeto Minimus Experience!